4 de dez de 2012

Novos problemas?


Ela abandonou o all-star e hoje usa um salto alto quinze.
Ela também deixou de lado o caderno com desenhos da capricho e hoje usa um simples, capa preta, para tentar demonstrar o mínimo de sentimentos.
Hoje, ela não sorri. Antes, era o que mais fazia.
No mundo em que criou, perfeita empreendedora virou.
Cresceu, ganhou busto e vestidos novos. Sapatos de boneca. Ganhou também um salário legal, um namorado legal, um carro legal e até alguns amigos legais. Ainda não era feliz completamente.
Tirou férias de tudo: Voltou para a casa de sua mãe durante alguns dias, colocou novamente seu all-star, conversou com o dono da mercearia na rua da sua casa.
Imaginou novos empreendimentos, ajudou alguns antigos amigos com suas próprias empresas, sem precisar daquele lindo vestido de dez mil reais.
Não causou quando chegou naquela tão esperada festa da cidade do interior.
Ela encontrou seu antigo amor. Ele sorriu para ela, assim como ela sorriu para ele. Dançaram apenas uma música e foi o suficiente – havia coisas que não precisavam voltar.
Alguns dias depois, voltou para o alto dos seus saltos, do seu apartamento e de sua vida.
Mudou o que foi necessário: Trouxe a realidade. Trouxe amigos do passado há pouco recém-chegados, terminou com um namorado que apesar de legal, não era tão bom assim.
Mas o antigo amor não voltou. Ela realmente tinha o superado. Pena que ele não podia dizer o mesmo.
Hoje, no alto de seus saltos, no alto da montanha que escalou, ela vê uma paisagem incrível e espera que algum dia, algum amor chegue até ela.
Enquanto isso ela tem seus amigos – e seu suado dinheiro. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário