7 de set de 2011

Finalmente

"Nós temos muitas chances nessa vida. Nós tenhos chances de mudar o destino, chances de mudar o que pensam de nós e temos chance de destruir isso tudo - basta querer.
Quando nos perdemos, precisamos que alguém nos ajude a encontrar o caminho de volta.
Ai entra você.
Pedir arrego é uma das coisas mais difíceis desse mundo, porém quando se pede, sabe-se que a coisa tá feia. Quando se pede arrego, sabe-se que a pessoa não aguenta mais ir contra a maré, que acabou a munição da sua arma, que falta motivos pra continuar a lutar.
É por isso que eu te agradeço.
Você pode ler muitos poemas - mas eles nunca vão te ensinar sobre amor. A professora de português/literatura pode tentar descrever, mas só você sabe definir o que realmente é um romance. Nós sempre sabemos, é instintivo.
Ouvi pessoas dizerem que é impossível, que tudo o que nós podemos fazer é previsível e que somos jovens. Jovens, adolescentes e imaturos que nada conhecem.. Nada além do amor.
Na adolescência é a época que tudo mais dói: qualquer briga parece ser definitiva, e volta a ser uma amizade cinco minutos depois. Qualquer amor parece ser o perfeito pra você, parece ter encontrado o homem ou mulher da sua vida, dai então tudo desmorona. Nessa época, nós descobrimos como definir onde colocar um pouco de fantasia e um pouco de realidade, aprendemos como viver com isso. É por isso que é tão crucial.
Acontece que sonhos também se tornam realidade.
É por isso que a esperança tem de ser sempre como quando vai chegando o natal e somos crianças: Você tem esperança que aquela tia-avó não te dê roupa e que seus pais finalmente comprem o presente certo.
Mas então, aprendemos de verdade: o destino não é prevísivel, quando você menos esperar, você vai ser surpreendido.
E então, finalmente, tudo vai dar certo. "

Dedicado à Guilherme Momma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário