19 de nov de 2010

Morte

Eu gostaria de aprender a lidar com a morte. Eu realmente gostaria.
Por que se nós pararmos pra pensar, a morte é onde tudo isso vai acabar, nem cedo, nem tarde, na hora certa e prevista.
Você não precisa acreditar em Deus, em buda, ou qualquer criatura mística. Você não precisa acreditar no alinhamento das estrelas, ou em qualquer outra situação, mas, você não pode acreditar que nós viemos para esse mundo, a troco de nada.
Os espíritas dizem que nós viemos para aprender, os católicos não comentam nada sobre isso. Os evangélicos falam apenas que é uma dádiva divina, e os malucos dizem que é para sermos felizes.
Me perdi.
Hoje em dia o excesso de informações acaba com as pessoas, por isso a humanidade está perdida.
Não gosto de dizer adeus, nem de celulares. Mandar beijo pra mim parece falsidade, mas mando. Sorrio quando deveria brigar. Mesmo pensando diferente, mesmo milhões de pessoas pensando diferente, o medo prevalece igual. É por isso que eu queria aprender a lidar com a morte.
Eu queria perder o medo, perder as estribeiras e chutar o pau da barraca. Eu simplesmente queria deixar acontecer, ou então deixar os acontecimentos virem até mim.
No fundo todos nós queríamos apenas que fosse diferente, mas não é.
Aceitar ou não, eis a eterna questão.

Open your eyes - snow patrol.

Apenas queria uma certeza além dessa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário